Dia Mundial do Rádio - Lucas França

Neste dia especial, que comemoramos o Dia Mundial do Rádio, não posso deixar de falar deste radialista que vive o rádio em suas veias. Que tem o rádio como sonho e realização ao mesmo tempo. Eu o vi crescer na profissão, pois estamos trabalhando juntos por 10 anos. Eu sou admiradora da dedicação e profissionalismo que Lucas França imprime, no seu dia a dia, na Jequié FM. Como radialista e coordenador desta emissora, ele não se cansa de inovar e buscar o que é mais moderno no segmento de rádio. Profissional de muita criatividade e carisma que encanta os ouvintes e o tem como referência nesta profissão.

Segue abaixo um pouco da sua história com radialista, narrado pelo próprio Lucas França.

Rádio minha paixão! LUCAS FRANÇA, Jornalista formado pela a Universidade Nove de Julho – SP. Radialista formado pela a Rádioficina – SP. Atuou na rádio Mundial– SP, Tupi AM – SP e Terra AM-SP.

Atualmente na Rádio Jequié FM 89,7.

Em minha opinião é impossível falar de rádio sem lembrar Edgar Roquette Pinto, considerado o Pai do Rádio no Brasil. Este ano, o rádio no Brasil, completa 98 anos com relevantes mudanças ao longo dessas nove décadas. A primeira delas, e uma das mais importantes, é a expansão do alcance das rádios através da internet que pode ser acessada por meio de celulares, tabletes e computadores, por exemplo.

Para Roquete Pinto a principal função do rádio era EDUCAR... ele acreditava que se o rádio fosse utilizado “COM VONTADE, ALMA E CORAÇÃO” poderia transformar o homem em poucos minutos.

Quem não tem uma história em que o rádio esteja presente? Escutar as notícias pela manhã, no carro ou no celular, a caminho do trabalho. Ouvir o seu locutor preferido, o gol do time narrado com emoção, mesmo acompanhando o jogo de dentro do estádio. Aquela música preferida, que você pede silêncio e aumenta o som para não deixar passar e escutar pela milésima vez.

Hoje eu tenho certeza que a Jequié FM é uma das rádios mais importantes da Bahia, porque ela começou diferente, já nasceu com credibilidade, com um propósito muito especial de atrair um público que estava vagando, carente sem nenhuma emissora nesse sentido. E ela chega com uma proposta de uma comunicação alegre, solta, envolvente e intimista.

A Jequié FM significa muito pela força da sua marca, pelas pessoas que fazem parte dela e pra mim significa muito, eu estou na rádio 89,7 desde o início. No dia 30 de abril de 2020 vamos completar 10 anos de uma linda história, vivi todos os meus momentos, porque cresci como pessoa, como profissional, conheci muita gente boa, passaram várias pessoas importantes como Victor Stock que contribuiu para o meu crescimento.

Para o ouvinte a 89,7 é uma rádio especialíssima, uma rádio carinhosa, que tem um diferencial muito nítido. As pessoas amam a Jequié FM por tudo que ela representa e a comunicação que ela exerce.

O rádio faz parte do nosso dia a dia. Eu costumo dizer que uma casa sem rádio não é uma casa feliz.

Viva o rádio!

 

 





Comentários
    Nenhum comentário! Seja o primeiro, preencha o formulário abaixo!
Deixe seu comentário