Brasileiras criam sorvete que alivia sintomas da quimioterapia

Ainda pensando no outubro rosa, li uma matéria que gostei muito e gostaria de dividir com você – a criação de um sorvete que alivia sintomas da quimioterapia.

“Uma equipe de nutricionistas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) desenvolveu um sorvete especial capaz de aliviar os efeitos colaterais da quimioterapia — náuseas, vômito, feridas na boca, aftas, lesões na mucosa e sensação de boca seca. Além disso, atende as necessidades nutricionais dos pacientes que, por causa do tratamento, apresentam redução do apetite e perda de peso.

A equipe realizou extensa pesquisa sobre as necessidades dos pacientes com o intuito de criar um alimento economicamente viável e prático para o hospital e capaz de amenizar os efeitos colaterais mais comuns do tratamento quimioterápico. A ideia inicial era preparar geladinhos caseiros, mas uma fabricante de sorvetes de Florianópolis (SC) se interessou pelo produto e resolveu produzi-lo. O sorvete ainda atende os principais desejos alimentares dos pacientes: frutas, sucos e sorvetes.

“O principal objetivo da criação desse produto é proporcionar aos pacientes o consumo de um alimento saboroso e nutritivo, que contemple não apenas a questão nutricional, pois ele tem alta densidade energética e é fonte de fibras e de proteínas, mas que também seja saboroso — considerando que durante o tratamento o paladar encontra-se alterado e são inúmeras as queixas de falta de apetite —, que contribua com a redução dos efeitos colaterais da quimioterapia e proporcione um tratamento mais humanizado”, explica disse Paloma Mannes, especialista em Saúde com Ênfase em Alta Complexidade, à BBC.

.

Marcella Cunha faz tratamento contra um linfoma de Hodgkin e encontra em sorvete alívio para efeitos colaterais como náuseas

Comentários

    Nenhum comentário! Seja o primeiro, preencha o formulário abaixo!

Deixe seu comentário! Os comentários serão moderados antes de serem publicados.

Blogs Parceiros